Profissionais
 

Advogados e Sócios:

Miguel Tedesco Wedy
-
Advogado (OAB/RS 48.703) e sócio do escritório Wedy Advogados. Nascido em Porto Alegre em 06 de Julho de 1976. Doutor em Ciências Jurídico-Criminais pela Universidade de Coimbra, Portugal. Mestre em Ciências Jurídico-Criminais pela Pontifícia Universidade Católica em 2002, com a dissertação "Prisão Cautelar e Estigmatização: Uma análise Crítica". Professor da graduação da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS), onde leciona as cadeiras de Direito Processual Penal II, Estágio II e Direito Penal III.
Coordenador do curso de Direito e Professor da Pós-Graduação da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS) em Direito Penal Contemporâneo, onde leciona a cadeira "Direito penal e Medicina".
Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCRIM) e do Instituto Transdisciplinar de Estudos Criminais (ITEC).
Autor da obra "Teoria Geral da Prisão Cautelar e Estigmatização" e das seguintes obras coletivas: "Lei de Drogas", "Ensaios Penais em Homenagem ao Professor Alberto Rufino Rodrigues de Sousa", "Estudos críticos de Direito e Processo Penal em homenagem ao Des. Garibaldi Almeida Wedy", dentre outras.  Ex-Secretário Municipal do Meio-Ambiente de Porto Alegre (2008).
Homenageado pela OAB/RS com a Comenda Osvaldo Vergara (2013).

Juliano Spagnolo
-
Advogado (OAB/RS 50.664) e sócio do escritório Wedy Advogados. Nasceu na cidade de Porto Alegre, em 10 de julho de 1977. Pós-Graduado em Direito Penal e Direito Processual Penal pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS). Bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul desde 2000.
Autor de três obras coletivas: "As Garantias do Cidadão no Processo Civil: relações entre Constituição e Processo" - em co-autoria com Sérgio Gilberto Porto (organizador) - Porto Alegre: Livraria do Advogado, 2003; "Tendências constitucionais no Direito de Família: estudos em homenagem ao Prof. José Carlos Teixeira Giorgis - obra coletiva em co-autoria com Sérgio Gilberto Porto e Daniel Ustárroz (organizadores) - Porto Alegre: Livraria do Advogado, 2003; e "Estudos Críticos de Direito e Processo Penal em homenagem ao Des. Garibaldi Almeida Wedy" - em co-autoria com Ney Fayet Júnior e Miguel Wedy (organizadores) - Porto Alegre: Livraria do Advogado, 2004.
Possui três votos de louvor lançados em seus assentamentos profissionais pela Ordem dos Advogados do Brasil/RS (Dezembro/2000, Maio/2001 e Dezembro/2006).
Fluente na língua francesa.

Consultores e Pareceristas:

Garibaldi Almeida Wedy
-
Advogado (OAB/RS 867). Nascido em Soledade, em 22 de outubro de 1913. Bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade Livre de Direito de Porto Alegre (hoje UFRGS) em 1939.
Aprovado no 1.º concurso para a carreira do Ministério Público, em 1941. Atuou nas comarcas de Ijuí e Santo Ângelo. Posteriormente, foi aprovado em concurso público para juiz de direito, em 1945. Jurisdicionou as comarcas de Sobradinho, Lajeado, Soledade, São Luís Gonzaga, Santa Maria e Porto Alegre.
Atuou como juiz de direito da 4.ª Vara Criminal de Porto Alegre de 1960 até 1967. De 1967 até 1969 foi juiz do Tribunal Regional Eleitoral. De 1968 até 1969 foi juiz substituto de Desembargador. Em 1969 foi promovido a Desembargador do Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul.
Aposentou-se em 1974.
Foi ainda professor da UNIRITTER de 1976 até 1984.
É professor emérito da UNIRITTER.
Publicou inúmeros artigos em revistas especializadas e escreveu cinco livros sobre a história de seu município natal, Soledade.

Delio Spalding de Almeida Wedy
-
Advogado (OAB/RS 4.742). Nasceu em Santo Ângelo, no dia 29 de março de 1944.
Pós-Graduado em Ciências Penais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul.
Pretor em Triunfo, de 1969 até 1971.
Aprovado em concurso para Juiz de Direito em 1971.
Jurisdicionou as comarcas de Pinheiro Machado, Garibaldi, Torres, Alegrete, São Jerônimo, Viamão e Canoas.
De 1980 a 1990 foi Juiz de Direito em Porto Alegre, quando atuou na 11.ª Vara Criminal.
Promovido ao Tribunal de Alçada em 1990. Juiz do Tribunal de Alçada de 1990 a 1996.
Vice-Presidente do Tribunal de Alçada no Biênio 1995/1996.
Promovido a Desembargador em 1996 atuando na 2.ª Câmara Criminal.
Após foi eleito 4.º Vice-Presidente do Tribunal de Justiça para o biênio 1998/1999.
Eleito 3.º Vice-Presidente do Tribunal de Justiça para a gestão 2000/2001.
Posteriormente voltando a atuar na 2.ª Câmara Criminal.
Aposentou-se como Desembargador em 2003.
Membro do Instituto de Estudos Jurídicos (IEJUR). Membro do Conselho Deliberativo da Ajuris (Associação dos Juízes do Rio Grande do Sul).
Possui um voto de louvor lançado em seus assentamentos profissionais pela Ordem dos Advogados do Brasil/RS (ABRIL/2011).


Extranet
Copyright © 2009 . Todos os direitos reservados |
Imaginis :: Internet Inteligente